Entretenimento

Nicki Minaj avisa DJ Boof sobre assinar seios femininos e ameaça demiti-lo


Nicki Minaj avisou seu DJ de turnê, DJ Boof, após descobrir que ele autografou seios de mulheres durante sua turnê.

No domingo (26 de maio), Nicki Minaj abordou a situação no X (anteriormente conhecido como Twitter), emitindo um severo aviso ao DJ Boof. O renomado rapper ameaçou demitir DJ Boof se ele for pego autografando seios femininos novamente durante a Pink Friday 2 World Tour. A postagem de Nicki foi clara e direta: “Prometo que vou demiti-lo se EVAHHHHH ver isso de novo. Df (Da merda)”, ela tuitou.

Essa advertência pública veio depois que DJ Boof compartilhou uma foto em sua história no Instagram, onde ele foi visto autografando o decote de uma mulher com uma legenda que dizia: “Eu sou muito famoso (emoji chorando e rindo) Eles me pediram para autografar seus seios”. Embora a imagem parecesse alegre, Nicki não achou graça e tomou medidas rápidas para resolver o comportamento.

O aviso ao DJ Boof ocorre durante um período tumultuado para Nicki Minaj, que recentemente enfrentou um incidente desafiador envolvendo a aplicação da lei em Amsterdã.

Na noite de sábado (25 de maio), Nicki Minaj teve que adiar seu show em Manchester, na Inglaterra, após uma prisão inesperada em Amsterdã. A rapper documentou o incidente, compartilhando em seu Instagram imagens onde ela foi detida pela polícia militar no aeroporto de Schiphol após descobrirem drogas em sua bolsa.

No vídeo, policiais são vistos informando Nicki que ela está presa e que precisa acompanhá-los até a delegacia. Ouve-se Nicki exasperada pedindo para falar com seu advogado antes de entrar na van da polícia. O vídeo termina com um policial fechando a porta da van enquanto Nicki continua filmando por dentro.

Mais tarde, Nicki revelou que passou aproximadamente seis horas sob custódia. Após sua libertação, complicações com seu voo para Manchester levaram ao adiamento de seu show. Ela acusou a polícia do aeroporto de discriminação racial e insinuou uma conspiração mais ampla para atrapalhar sua viagem.

“Eles estão recebendo muito dinheiro para tentar sabotar minha turnê, porque muuuuitas pessoas estão furiosas com o sucesso e não podem comer de mim. Eles foram pegos roubando dinheiro das minhas viagens/jatos. Fui demitido. Enlouqueceu. Etc”, afirmou Nicki em uma postagem no X.

O Departamento de Polícia da Holanda emitiu um comunicado sobre X, afirmando que Nicki foi detida sob suspeita de tentativa de exportação de drogas leves. Após consulta ao Ministério Público, foi libertada com multa de 350 euros (378,45 dólares).

À medida que Nicki Minaj continua a abordar essas questões, ela continua comprometida em manter o profissionalismo dentro de sua equipe e garantir o sucesso de sua Pink Friday 2 World Tour.



Source link

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo