Esporte

Atletismo: Uma década sem Yago Lamela, um talento irreverente nos boxes


HHá dez anos, em 8 de maio de 2014, Yago Lamela faleceu em sua casa. O saltador espanhol, que marcou um antes e um depois na distância nacional, tinha apenas 36 anos. Aqueles que compartilharam atletismo e experiências com ele concordam em destacar sua genialidade e talento nas boxes. Vice-campeão mundial em 1999, indoor e outdoor, Yago se tornou o melhor saltador espanhol da história com um salto em Maebashi, de 8,56 metros, que ainda permanece um recorde espanhol.

Introvertido e tranquilo fora das pistas, Lamela se transformou nos boxes e conquistou os amantes do atletismo com sua qualidade. A sua figura, juntamente com as de Manolo Martínez ou Ruth Beitia, contribuíram para fortalecer os resultados notáveis ​​dos espanhóis nas competições.

A carreira de Yago Lamela não pode ser compreendida sem a do seu treinador Juanjo Azpeitia, com quem passou muitos anos. “Ele era o brilhante 'Guaje'”, lembrou Ramón Cid, treinador e ex-diretor técnico da RFEA, no MARCA. “Contribuiu para dar uma imagem europeia ao atletismo espanhol ao dar visibilidade às competições. Foi também um exemplo de que há talento em todo o lado e que, com um treinador qualificado, o sucesso desportivo pode ser alcançado”.

Yago foi um exemplo de que há talento em todos os lugares e que, com um treinador qualificado, é possível alcançar o sucesso esportivo.

Ramn Cid, treinador

Ficam na memória aqueles espectaculares duelos com Ivn Pedroso, já uma estrela na altura em que surgiu. Iago, que em diversas ocasiões colocou contra as cordas. “Fui especialmente afetado pela época de Lamela. Foi a melhor temporada dele e também a minha”, lembrou Ivn Pedroso em entrevista ao MARCA. “Tivemos duelos muito bons em Maebashi, Sevilha… Foram dois anos de desempenho máximo entre os dois.”

Lamela também conquistou o bronze mundial em Paris em 2003, e o bronze europeu em Munique em 2002. Amante de helicópteros, aposentou-se em 2007 após um período de lesões.





Source link

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo